História de Nossa Senhora de Fátima

As aparições da Cova da Iria

História de Nossa Senhora de Fátima

Texto: Expedição 19

Nossa Senhora de Guadalupe, em 1531, no México, Nossa Senhora das Graças, em 1830, na França, Nossa Senhora de Lourdes, em 1858, também na França. Todas aparições da Mãe de Jesus. O que estas aparições têm em comum? Em todas as vezes a Virgem Maria escolheu pessoas simples e humildes; pessoas ingênuas e puras de coração. Na maioria das vezes, crianças ou pessoas adultas, como na aparição da Virgem de Guadalupe, que não tinham o entendimento e nem mesmo a audácia de inventar uma história fantasiosa e mentirosa. Na aparição de 1917 em Fátima, Portugal não foi diferente, desta vez os escolhidos foram três crianças pastorinhas: Francisco de oito anos, irmão de Jacinta de sete anos e Lúcia de dez anos, prima dos dois.

Tudo começa no ano de 1916, com três aparições de um anjo as crianças pastorinhas entre os meses de abril e outubro, em um local denominado Loca do Cabeço. Ele ensina aos pastorinhos duas orações. As aparições do anjo, no ano anterior, foi para preparar o espírito dos pastorinhos para receberem as aparições da Virgem Maria.

No dia 13 de maio do ano de 1917, Nossa Senhora aparece pela primeira vez aos três pastorinhos. Ela pede a eles que voltem naquele local, denominado Cova da Iria, mais cinco vezes, sempre no dia 13 de cada mês; e também pergunta lhes se estavam dispostos a sofrer pela conversão dos pecadores do mundo. Seria o mesmo que a parábola do Bom Pastor que dá a vida por suas ovelhas. A resposta dos pastorinhos foi sim. Então a Virgem Maria acrescenta; “Rezem o Terço todos os dias, para alcançarem a paz para o mundo e o fim da guerra.” A primeira guerra mundial foi no período de 1914 até 1918.

No dia 13 de junho acontece a segunda aparição. Desta vez não estavam sozinhos. Havia mais de 50 pessoas juntas com os pastorinhos. Nossa Senhora fez novamente o pedido de voltarem aquele local no dia 13 do mês seguinte. Lúcia então lhe pedi para que os levassem para o céu e Nossa Senhora lhe responde: “Francisco e Jacinta levo-os em breve, mas você ficará por mais um tempo. Jesus quer Servir-se de ti. Ele quer estabelecer no mundo a devoção ao meu Imaculado Coração. Quem o abraçar, prometo a salvação e estas almas serão queridas por Deus.” (Francisco entrou para a vida eterna em 1919 e Jacinta em 1920)

No dia 13 de julho Nossa Senhora surge pela terceira vez. Mas agora já havia junto dos pastorinhos mais de 2.000 pessoas. Ela lhes diz novamente para regressarem ali no dia 13 do próximo mês e que continuem a rezar pela paz no mundo e o fim da guerra. Lúcia, a interlocutora dos três pastorinhos pergunta a Nossa Senhora: “qual o Seu nome? Faça um milagre para que todos acreditem que a Senhora aparece.” Nossa Senhora lhe responde que fará o milagre no mês de outubro e que todos acreditarão. E lhes mostra uma horrível visão do inferno e diz: “Vistes o inferno, para onde vão as almas dos pobres pecadores; para as salvar, Deus quer estabelecer no mundo a devoção a Meu Imaculado Coração. Se fizerem o que Eu vos disser, muitas almas se salvarão e terão paz. A guerra vai acabar. Mas, se não deixarem de ofender a Deus, no reinado de Pio XI começará outra pior. Haverá fome e perseguições ao santo padre. O Santo Padre deverá consagrar-me a Rússia para que não se espalhe seus erros pelo mundo. “Um Anjo apontando com a mão direita para a terra, com voz forte diz: “Penitência, Penitência, Penitência!” E um Bispo vestido de Branco é morto por um grupo de soldados que lhe dispararam vários tiros e flechas”. E finaliza: “Não diga isso à ninguém, mas a Francisco pode dizer.” A Virgem Maria disse isso porque Francisco somente A via, mas não ouvia o que Ela dizia, Jacinta via e ouvia, mas somente Lúcia era quem falava com Nossa Senhora. Antes de ir embora acrescentou: Quando rezais o Terço, dizei depois de cada mistério: “Ó meu Jesus, perdoai-nos, livrai-nos do fogo do inferno, levai as alminhas todas para o Céu, principalmente aquelas que mais precisarem”.

Esses segredos só foram revelados muitos anos mais tarde, pela já consagrada irmã Lúcia.

A quarta aparição não foi no dia 13, mas sim no dia 15 ou 19 de agosto, pois os pastorinhos foram mantidos presos e vigiados por três dias para serem interrogados e ameaçados sobre as aparições. Desse modo não puderam comparecer à Cova da Iria no dia 13 como nas outras aparições de Nossa Senhora. Desta vez, junto aos pastorinhos haviam mais de 10.0000 pessoas. Quando a Santíssima Virgem apareceu lhes pediu, como das outras vezes, para rezarem todos os dias o Terço. E disse também; “Façam dois andores com o dinheiro que o povo deixa na Cova da Iria. Os andores são para a festa de Nossa Senhora do Rosário. Com o restante do dinheiro ajudem a construir uma capela.” E finalizou: “ Rezai, rezai muito e fazei sacrifícios pelos pecadores.”

A quinta aparição foi no dia 13 de setembro, como sempre por volta do meio dia. Junto dos pastorinhos haviam mais de 20.000 pessoas. Mais uma vez a Virgem Santíssima disse para rezarem o Terço todos os dia a Nossa Senhora do Rosário. E Lúcia, como sempre, pediu milagres e curas por algumas pessoas.

O grande dia chegou, dia 13 de outubro. Nesse dia junto dos pastorinhos haviam mais de 50 mil pessoas. A Virgem Maria surgiu; e disse que era Nossa Senhora do Rosário. Pediu como das outras vezes penitência, a reza diária do Terço e mencionou o fim da guerra. Nesse dia todas as pessoas presenciaram o sol girar e mudar por várias posições no céu. Muitos gritavam e achavam que o mundo iria acabar. Ouviu-se também o testemunho de pessoas que estavam distantes à quilômetros da Cova da Iria. Nesse dia, todos acreditam nas aparições da Virgem Santíssima aos pastorinhos.

Estes são relatos de “Memórias de Irmã Lúcia” a interlocutora dos pastorinhos, junto a Nossa Senhora.

Os dois primeiros segredos que falam sobre a visão do inferno e a consagração da Rússia para que cessasse o mal do comunismo no mundo, foram revelados somente no ano de 1941. O terceiro segredo, Irmã Lúcia redigiu uma carta em 1944. A carta foi guardada nos mais secretos arquivos do Vaticano e foi lida pelos papas: João XXIII e Paulo VI, mas nenhum deles revelou seu segredo. No dia 13 de maio de 1981, o Papa João Paulo II sofre um atentado contra sua vida. Após esse atentado, já recuperado, o papa lê a carta e interpreta que aquele bispo de branco dito na profecia da Virgem Maria era ele. Esse era o terceiro segredo dito por Nossa Senhora em Fátima. No ano seguinte no dia 13 de maio o papa foi até Fátima, em Portugal, para agradecer ao Sagrado Coração de Maria por ter poupado a sua vida. O papa afirmou: “uma mão disparou, mas outra mão guiou a bala”. Ele disse isso porque na ocasião de seu atentado, no momento do disparo, o papa se abaixou para abençoar uma imagem de Nossa Senhora de Fátima. Nessa visita de agradecimento, levou com ele uma das balas que o atingiu para ser ofertada a Nossa Senhora. Essa bala foi colocada na coroa da imagem, em um local que parecia ter sido feito para abrigar aquele projétil. Mas o terceiro segredo só foi revelado pelo papa João Paulo II na ocasião da Beatificação de Jacinta e Francisco, no dia 13 de maio do ano 2000, em Fátima.

É importante lembrarmos que estas mensagens ditas à Irmã Lúcia por Nossa Senhora foi no ano de 1917 e que as três crianças pastorinhas sofreram muito, por calúnias e acusações de estarem mentindo.

Nossa Senhora do Rosário de Fátima ou simplesmente Nossa Senhora de Fátima é festejada no dia 13 de maio.

Oração a Nossa Senhora de Fátima

“Santíssima Virgem, que nos montes de Fátima vos dignastes revelar aos três pastorinhos os tesouros de graças que podemos alcançar, rezando o santo rosário, ajudai-nos a apreciar sempre mais esta santa oração, a fim de que, meditando os mistérios da nossa redenção, alcancemos as graças que insistentemente vos pedimos (pedir a graça). Ó meu bom Jesus, perdoai-nos, livrai-nos do fogo do inferno, levai as almas todas para o céu e socorrei principalmente as que mais precisarem.” Amém!

Nossa Senhora do Rosário de Fátima, rogai por nós

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *